Post

Kelvin Araújo volta ao cenário sertanejo como um dos maiores potenciais do estilo

Voz marcante, talento e bagagem musical fazem parte do repertório do cantor.


12/08/2017 15h31

Kelvin Araújo, um dos expoentes do sertanejo do interior de São Paulo, está colhendo os melhores frutos desde que iniciou o projeto que deu novos rumos em sua carreira. Prestes a completar dois anos desde que iniciou seu novo projeto, como cantor solo, não tinha visto em suas projeções uma boa fase tão intensa.

O talento vem de berço, desde pequeno Kelvin já gostava de ouvir música sertaneja. Ganhou seu primeiro violão aos quatro anos de idade como herança de seu avô, o que despertou ainda mais o interesse pela música. Pouco tempo depois, descobriu o canto, que se tornaria a maior paixão do artista.

“Sempre fui apaixonado por música, logo depois que ganhei meu primeiro instrumento, comecei a compor e cantar. Desde criança já sabia que iria seguir a minha vida com o sertanejo” contou Kelvin.

Iniciou sua carreira aos sete anos como qualquer outro jovem talento, se destacou em concursos de calouro e começou a se apresentar em diversas festas regionais e barzinhos. Aos 13 anos, junto com seu amigo Kasser, deu início a primeira parceria de sua carreira.

Foram 12 anos rodando o Brasil, realizando shows, participando de programas de televisão e rádio, destaca-se um concurso do Programa Raul Gil. Devido ao reconhecimento nacional, foram convidados a realizarem um show exclusivo no aniversário da apresentadora Ana Maria Braga.

Em 2010, Kelvin começou sua segunda parceria. Durante praticamente cinco anos, foram gravados três CDs e um DVD, que contaram com diversas participações especiais, como o ícone Sérgio Reis, Jannayna e Edson (Edson & Hudson) .

Após o fim de sua segunda dupla, Kelvin uniu toda a bagagem musical adquirida durante toda sua vida com seu talento e decidiu seguir carreira solo. No primeiro ano lançou o primeiro CD do novo projeto, uma coletânea das melhores músicas gravadas durante os quase 20 anos de música sertaneja.

“Estamos trabalhando muito nesse novo projeto e ficamos muito contente com o resultado parcial.

Graças a Deus as projeções são muito boas, estamos muito ansiosos com o futuro” finalizou Kelvin.

Hoje em dia, mais experiente, está terminando de gravar o seu segundo CD: “No Violão e na Voz”, um projeto acústico que visa valorizar a interpretação de uma das melhores vozes do Brasil. Com as melhores projeções para o futuro, Kelvin está preparado para voar por ares mais altos.

Deixe seu comentário



Veja também



Sertanejo Top 2016

Todos os Direitos Reservados